Tratamento de Fimose – O que é, como funciona e cuidados

tratamento de fimose umA fimose é considerada comum no Brasil com cerca de 150 mil casos registrados por ano. Acontece na grande maioria das vezes quando ainda se é um bebe, ou seja, entre 0 e 2 anos de idade, e é para isso que existe o tratamento de fimose.

Normalmente, é necessário um diagnostico médico, porém a realização de exames não é necessária. O tratamento de fimose pode ser feito por meio de um creme, que caso não tenha resultados positivos, é realizada uma cirurgia (postectomia) que consiste na remoção da pele que recobre a glande.

A fimose pode causar dor quando o indivíduo tenta urinar, o que pode resultar em infecção urinária.

Além disso, deixa o individuo mais propicio a infecções e aumenta o risco para o desenvolvimento da parafimose, que é quando a pele que recobre a glande fica presa, fazendo assim com que o pênis se comprima e ocorra uma dificuldade maior para que o sangue chegue até a glande.

O que é fimose?

tratamento de fimose doisA fimose acontece quando o indivíduo não possui a capacidade de expor a glande, que é a parte final do pênis, por conta de uma pele que a recobre e não se abre o suficiente.

É normal de se acontecer com meninos recém-nascidos, porém, na maioria das vezes não necessita de tratamento de fimose específico, já que desaparece na maioria dos casos até os três anos de idade.

É importante lembrar que a fimose não altera em nada o crescimento do pênis, e nem no desenvolvimento, porém, é importante que ocorra o tratamento de fimose dela para evitar futuras infecções, devido a dificuldade que se tem para a higienização da região.

Sinais de fimose

O único sinal de fimose acontece quando é acontece uma dificuldade ao tentar expor a glande. Os sintomas que os indivíduos que possuem mais relatam são:

  • dificuldade ao urinar por conta de dores ou ardores;
  • maior dificuldade de controlar a vontade de urinar quando se está dormindo;
  • sangramentos que ocorrem principalmente após forçar demais a pele que recobre a glande;
  • secreções no pênis, com característica de mau cheiro, já que quando se tem fimose, a higienização se torna mais difícil;
  • dor durante a ereção.

Fique atento
Caso algum desses sintomas for relatado, ou em caso de recém-nascidos, é importante a mãe ficar atenta e caso confirme esses sintomas, é importante ir ao médico para que ele inicie um tratamento de fimose o quanto antes para que assim o problema possa ser solucionado de maneira segura e mais rápida.

Como funciona o tratamento de fimose?

Existem dois tipos de tratamentos que normalmente são recomendados pelos médicos, com pomada ou a cirurgia.

tratamento de fimose cirurgia

Na maioria das vezes os médicos recomendam primeiro o tratamento de fimose por meio da pomada, para só depois pensar na realização de cirurgia, caso a pomada não solucione o problema.

  • Pomada

Caso o medico oriente o tratamento de fimose com pomada, ela deve ser utilizada para ajudar nos exercícios e alongamentos que devem ser realizados na pele que recobre a glande (prepúcio).

tratamento de fimose pepino

Essas pomadas tem o intuito de diminuir os riscos de inflamações que podem vir a acontecer tanto pela higienização que fica comprometida, tanto por conta da inflamação local, que acontece quando os movimentos realizados causam sangramento.

A inflamação diminui, pois essas pomadas contem em sua formula corticóides, que tem a capacidade de reduzir a inflamação. Outro fator em que a pomada auxilia é na diminuição da dor, que ocorre durante o processo, alem de acelerar o tratamento.

  • Cirurgia

Caso o tratamento de fimose com a pomada não tenha resultado, é recomendada cirurgia para a remoção da pele do prepúcio.

tratamento de fimose pinto

tratamento de fimose penis

Ela é realizada com anestesia geral ou local, normalmente em crianças com menos de 8 anos. Nela é realizada a remoção da pele em excesso no pênis, e a colocação de alguns pontos para que a recuperação seja mais rápida e principalmente para diminuir os riscos de contaminação por infecções.

Cuidados antes da cirurgia

Existem alguns cuidados essenciais para serem realizados antes da cirurgia, principalmente para diminuir os riscos de infecções. São eles:

  • Higienização

É fundamenta tomar um banho bem demorada antes da cirurgia, dando atenção principalmente a área que ocorrerá o procedimento.

  • Esvaziar o intestino

É essencial ir ao banheiro antes do procedimento ser realizado para que durante a cirurgia não ocorra a vontade de ir ao banheiro, já que ela pode ser realizada somente com anestesia local.

  • Bebidas alcoólicas

É extremamente proibido ingerir bebidas alcoólicas antes da cirurgia, já que o álcool tem o efeito de diminuir o efeito da anestesia, possibilitando assim que o paciente sinta dor durante o procedimento.

Cuidados depois da cirurgia

  • Curativos

É necessário a cada dois dias depois da cirurgia refazer os curativos, assim como passar pomada na região. Isso deve ser respeitado para evitar possíveis infecções.

  • Roupas

Roupas que apertem mais a região da cirurgia podem causar menos desconfortos e dores ao paciente, já que impedem que o órgão se movimente muito.

  • Relações sexuais

A relação sexual deve ser evitada durante um mês, para que o órgão possa cicatrizar de maneira correta. E é recomendado o uso de preservativos para evitar ao máximo o atrito na região que foi operada.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply